quarta-feira, 4 de março de 2015

Não Confio em Gente que Não Lê #16 - Limão Rosa

Miga, pensei que ia ser diferente, mas tranquilinho ler um livro de poesia. Ledo engano!
Não sou apaixonada pelo gênero, mas também não desgosto. Tenho um ou outro poema que levo comigo pertinho do coração, mas nunca nessa vida me prestei a ler um livro inteirinho deles. Tentei pensar na época de escola e nos poetas que estudamos e lembrei que tudo o que me era colocado na frente que fosse assinado por Fernando Pessoa ou seus heterônimos, costumava me agradar. Achei 'A Poesia Completa de Álvaro Campos' de graça na loja da Amazon e baixei toda feliz (da última vez que eu chequei o livro ainda estava de graça, você pode baixar clicando aqui). Mas foi aí que eu descobri que ler um poema solto e ter todo o tempo do mundo pra entendê-lo e analisá-lo é uma coisa, mas ler vários seguidos é outra bem diferente.


Então decidi desacelerar o ritmo e fui em busca de um livro mais curtinho com poesias mais simples, que não precisassem de tanta reflexão pra serem compreendidas e encontrei 'Limão Rosa' da Flora Figueiredo, que me conquistou logo de cara pela capa e pelo nome.

Os poemas da Flora são curtinhos e claros? São! Mas acho que o que os tornou mais claros foi o vocabulário mais simples, mais tranquilo, porém o significado dos textos... ah, meu bem, que coisa linda. É difícil imaginar quais foram as situações que a levaram a escrever cada poema, mas foi uma delícia interpretá-los no meu momento de vida e trazê-los pra minha realidade, pro meu histórico e experiência.

A sensação que o livro deixo em mim foi a de um dia ensolarado e agradável. Daqueles que a gente curte o sol na companhia de alguém querido, sabe?


Fui marcando os poemas que eu mais gostei, e de 57 eu marquei 9 porque tive que me controlar pra não marcar todos. Foram eles: "Roda Pião", "Abismo", "Sinal de Tempos", "Farolete", "Negrume", "Final Feliz", "Controvérsia", "Nuvens" e "Sé"

Como alguns poemas tem apenas algumas linhas e todos são rápidos, acabei lendo o livro em apenas algumas horas, mas mesmo assim, como li pelo Kindle, tive vontade de comprar o exemplar físico pra poder tê-lo na estante e ir em busca dele quando precisar de um pouquinho de doçura na vida. Achei uma delícia mesmo. E quem sabe esse livro não seja o pontapé pra eu me aventurar no mundo do poesia com mais frequência? Veremos!


Você pode comprar 'O Limão Rosa' clicando aqui.
No Desafio Literário do Tigre, 'O Limão Rosa' se encaixa da categoria "Livro de Poesia"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Google+