sábado, 8 de março de 2014

Não Confio em Gente que não Lê #11 - A Culpa é das Estrelas


Não sou muito dada a ler romances, tanto que não li nada do Nicholas Sparks até hoje (puro preconceito), mas quando descobri que John Green, o cara dos Vlogbrothers, também era um escritor, pensei "por que não?". Um dia passando por uma banca de jornal perto do meu trabalho topei com o livro num preço bem bacana, mas ele passou uns bons meses pegando poeira na estante. Esse mês, talvez por estar desejando leituras mais "reais", sem nenhuma criatura sobrenatural como protagonista, decidi me dedicar a ele.
'A Culpa é das Estrelas' conta a história de Hazel e Augustus, dois adolescentes que foram diagnosticados com câncer, e é através deles que John Green nos faz entender um pouco de como deve ser o universo dessas pessoas, rodeadas por outras pessoas que fazem uso constante de clichês como "você é um guerreiro, luta diariamente contra o câncer e está sempre com um sorriso no rosto" e que não podem nem imaginar como é, de fato, conviver com a doença. Os dois se conhecem em uma reunião do grupo de apoio e acabam ficando próximos graças a insistência de Augustus que consegue driblar os medos de Hazel de criar novas relações quando ela sabe que não deve ter muito mais tempo sendo um ser vivo nesse planeta.
Com esse livro eu descobri que a graça de ler um romance não está no fato de ser um romance em si, do autor nos mostrar as mais belas declarações de amor e nos fazer desejar um romance daquele pra gente. A parte legal é refletir sobre como a vida nos entrega essas situações. Por que a gente se apaixona? Por que, na grande maioria das vezes, tendo câncer envolvido ou não, temos medo disso? Como a gente lida com os nossos sentimentos? Qual o poder deles sobre nós?
Não tenho nem palavras pra dizer o quanto fiquei apaixonada pelo jeito descomplicado de John Green de explorar todas essas questões. São páginas de absurda sensibilidade, andando de mãos dadas com a sinceridade mais cruel. Esse livro não me fez pensar só em amor, ele me fez pensar na vida e na morte, no que é justo e no que não é, nos estereótipos e frases feitas criados pela sociedade, coisas que são frágeis e podem ser muito facilmente desmentidas. É esso tipo de coisa que você vai encontrar nas linhas de 'A Culpa é das Estrelas'. Difícil pensar numa situação que esse livro não agrade o coração de um ser humano. Difícil mesmo.
No meio do ano sai o filme inspirado no livro, pra destruir os nossos corações e remendá-los de novo em um intervalo de duas horas. Abaixo, deixo o trailer.
Pra completar a experiência, também deixo o link do Livrocast #39 sobre a obra. No episódio, eles contam um pouco da história do autor, quais foram os seus motivos e inspirações pra escrever o livro e discutem as suas impressões sobre a história. Vale muito a pena! Confira clicando aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Google+