sexta-feira, 15 de abril de 2016

Mixtape Peque Schall #34 - T.G.I.F.

Enquanto pensava em temas pras mixtapes, vi que o dia 15 de abril, que é quando eu normalmente posto as mixtapes, cairia numa sexta. Aí pensei "Hm... porque não fazer uma mixtape inteira em homenagem a sexta-feira, essa linda?". Então ta aí! Pra esse mês, eu reuni dez faixas, todas elas sobre esse dia lindo.


01. Yee Haw - Jake Owen
02. It's Friday - Dean Brody ft. Great Big Sean
03. Friday - Glee Cast
04. Friday Night - McFLY
05. Friday - Rascal Flatts
06. Friday I'm in Love - The Cure
06. Friday is Forever - We The Kings
08. Friday on my Mind - David Bowie
09. Livin' it Up - Belle & James
10. Friday Night - Arabesque

quinta-feira, 31 de março de 2016

Mixtape Pequena Schall #33 - Misturebinha Feliz

O tema da mixtape desse mês estava na minha mente há muito tempo, seria "águas de março". Músicas pra escutar num dia de chuva, músicas sobre chuva, músicas pra animar seu dia nublado... Mas aí as chuvas vieram e com ela as enchentes e eu vi a cidade onde eu nasci e a região toda ficar debaixo d'água. Por isso me pareceu meio errado celebrar a chuva nesse momento.

Pode ser que esse tema apareça nos próximos meses, mas pra esse mês, tentei reunir dez faixas com uma vibe bem feliz e levinha. Uma sequência de músicas pra dar play num dia meio xoxinho ou num dia feliz mesmo, pra manter ele assim. Da o play aqui em baixo e me diz depois se eu atingi meu objetivo!


01. Live Life - Jesse & Joy
02. Better When I'm Dancin' - Meghan Trainor
03. Tightrope - Walk the Moon
04. Toes - Zac Brown Band
05. Ça Ira - Joyce Jonathan
06. Everywhere You Look - Carly Rae Jepsen
07. Unwritten - Natasha Bedingfield
08. You're Not Alone - The Mowgli's
09. Felicidade - Marcelo Jeneci
10. Hawaiian Roller Coaster Ride - Lilo & Stich Soundtrack

terça-feira, 15 de março de 2016

O Fim do Projeto Schall Gay

De uns tempos pra ca o nome do "Projeto Schall Gay" passou a me incomodar. Em 2012, quando o projeto começou e eu precisava de um nome, uma amiga sugeriu "Schall Gay" na brincadeira. Eu achei bem humorado, me pareceu fazer sentido e ter ligação com a proposta, então... por que não? Mas essa ultima parte, a da "ligação" com o propósito do projeto, que era muito clara há quatro anos, começou a ficar um pouco embaçada pra mim.

De 2012 pra cá muita coisa mudou em mim. Já cheguei ao ponto de achar maquiagem tão importante que senti obrigação em usá-la, hoje somos boas amigas e nos divertimos juntas. Passei a arriscar um pouco mais com as roupas que eu uso, já experimentei muita coisa e incluí algumas peças no guarda-roupa que talvez não estivessem nele se não fosse pela "iniciativa Schall Gay". A minha auto imagem mudou e, eu tenho quase certeza, que pra melhor. A ideia era me sentir bem e o projeto teve grande participação nisso.


Além disso, em quatro anos, gosto de pensar que a minha maneira de enxergar o mundo e as pessoas evoluiu bastante. Nunca achei que ser gay fosse algo errado ou fora de contexto, mas percebi que, mesmo assim, a imagem que eu fazia da comunidade LGTB era um pouco distorcida. Tanto que liguei vestidos, sapatilhas e maquiagem com a palavra "gay" sem nem pensar sobre o assunto e tudo pareceu lindo.

No que consiste "ser gay" afinal? Se sentir atraído física e emocionalmente por uma pessoa do mesmo sexo. E só! Não tem nenhum pacote de características que acompanha uma orientação sexual, uma checklist que homossexuais tem que cumprir pra não perder a carteirinha de gay. Mas esse é um estereótipo reforçado pela sociedade. Tanto que conheço pessoas que separam mulheres homossexuais em "sapatões" e "lésbicas", fazendo uso da mais pura cagação de regra pra atribuir características diferentes aos dois termos.


E o fato de eu usar o nome "Schall Gay" pra escrever sobre maquiagem, roupas e sapatos só reforça esse estereótipo de que orientação sexual tem cara e jeito. E, eu não sei vocês, mas eu não quero fazer parte disso! Por isso, meus amigos, o projeto "Schall Gay" está oficialmente encerrado! Isso significa que eu vou parar de falar sobre roupas, maquiagem e produtos pra cabelo aqui no blog? Jamais! Só significa que essa seção do site está temporariamente sem nome, mas volta em breve com uma cara nova e, o mais importante, sem negatividade e com energia renovada.

Então é isso, gente! Chegou nova era, a velha já era! Vejo vocês do outro lado!


via GIPHY

segunda-feira, 7 de março de 2016

Schall Gay #32 - Dia de Compras

Percebi que os meus "dias de compras" nunca são programados. Eu não saio de casa pensando "hoje vou gastar muito dinheiro em maquiagem e shampoo", mas as vezes, é o que acontece. E foi o caso do dia 05 de março, no qual eu e minha personal diva, Julia Helena do Le Blog Sucré, decidimos sair juntas pra comprar óculos escuros baratinhos na Av. Paulista. No final das contas, só eu encontrei um par de óculos, mas nós fomos parar nas perfumarias do bairro da Liberdade. Da uma olhada no saldo do dia!

. Óculos Escuros Redondos e Espelhados: comprado no mesmo "buraco" onde comprei os óculos escuros modelo aviador da Schallista de fevereiro. A única tristeza foi que esse era o último par desse modelo e tanto eu quanto a Ju ficamos apaixonadas.

~Braço-De-Selfie Alert~


.Batons Líquidos da Dailus nas cores Vamp, Mascavo e Mashmallow: esses bonitinhos estavam em promoção em uma das galerias da Av. Paulista, por isso arrisquei pegar inclusive o Vamp, que tem esse tom de azul/roxo bem aberto e fica super escandaloso. Em breve devo fazer um post só sobre os batons líquidos da Dailus que eu comprei até hoje.

Da esq, pra dir.: Vamp, Mascavo e Marshmallow



. Esmalte da Anita na Cor Chic: apesar de ser um pesadelo remover esses esmaltes, a paixão pelo glitter supera a desgraça que é se livrar dele depois! Principalmente a hora que vi esse esmalte perfeito! Ele tem tons bem suaves de dourado, puxando bem de levinho pro rosa. Tem tanto, mas tanto glitter que quase não aparece a unha por baixo. É um sonho!




. Bálsamo Pós-Barba da Nivea: tem eras que eu quero testar esse pós-barba da Nivea como primer. A Nikkie Tutorials deu a dica em um dos seus vídeos há bastante tempo, mas eu nunca tinha encontrado o bonito por aí pra adquirir um. Mas quando a sua personal diva está do seu lado, tudo fica mais fácil e ela me indicou a prateleira certa. Assim que eu conseguir testar, devo citá-lo novamente por aqui. 



. Pente de Madeira da Don Juan: há vários anos eu tinha um pente de madeira que eu amava. Os dentes eram bem largos, ideais pra cabelos enrolados. Não lembro que fim ele levou, mas sei que quase chorei de emoção quando encontrei esse pente!

. Lápis Bege para a Linha D'Água da Kreati: eu uso o mesmo lápis pra linha d'água há muitos (MUITOS) anos. Por isso achei que era hora de deixar o coitado descansar e fui em busca de um novo. O escolhido foi esse lápis retrátril da Kreati.

. Esponja para Maquiagem da Studio KV: não tem como assistir à quantidade de tutoriais de maquiagem que eu assisto sem desejar testar uma dessas esponjinhas. Como nunca apliquei a maquiagem com uma dessas, decidi levar uma baratinha pra ver se eu gosto da experiência. 



terça-feira, 1 de março de 2016

Schallista #28 - Jan/2016

Fevereiro foi o mês de garimpar pelo do preço-amigo! Olha aí!

. Batom "Trufa" da Dailus - A compra desse batom na verdade foi uma tentativa desesperada de encontrar um equivalente (equivalente, não dupe) ao batom Anastasia do blog Pausa Para Feminices enquanto a fatura do meu cartão de crédito está triste de olhar. O negócio é que desde que vi a cor do batom Anastasia fiquei loucona atrás de um batom marrom, sem fundo vinho ou violeta, só marrom! E fiquei bem feliz quando encontrei esse lindinho! Ele não é matte, mas não chega a ser super brilhante, é bem fácil de aplicar e a cor é realmente linda! Só a durabilidade não é das melhores porque ele não aderi tanto ao lábio, mas pelo precinho amigo, da pra lidar com isso, né migs? (R$6,90)




. Óculos Escuro no Modelo Aviador - Depois que tirei umas selfies com os óculos escuros da miga Julia Helena do Le Blog Sucré (que aliás está virando uma ótima fonte de inspiração), decidi que queria óculos modelo aviador para chamar de meus. Há algum tempo eu teria encomendado um pelo Ali Express sem pensar muito sobre o assunto, mas a ansiedade pra poder usar o bonitinho e o medo da encomenda ser taxada me fizeram garimpar os xing lings (e variações) da Av. Paulista até encontrar um par num preço amigo! Um pouco de paciência e persistência e voilá! (R$20,00)



. Fuller House - Dia 26 desse mês estreou no Netflix a primeira temporada de Fuller House, uma continuação de Full House (Três é Demais pra quem, como eu, assistia essa gracinha no SBT), uma série que acompanhava a vida de um pai viúvo cuidando das três filhas com a ajuda do cunhado e um amigo de infância.

Assisti ao primeiro episódio só pela nostalgia e pela curiosidade e foi lindo ver (quase) todo o elenco reunido novamente. A história agora irá acompanhar D.J., a irmã mais velha, cuidando dos três filhos com a ajuda de Stephanie, a irmã do meio, e Kimmy, sua melhor amiga (a louca que invadia a casa deles o tempo todo s2).

Mas depois do primeiro, deixei o segundo episódio começar... e depois o terceiro... sei que só parei de assistir porque estava caindo de sono. A série não é nenhuma obra de arte, mas achei uma delícia assistir! É um humor bem levinho, pensado pra família mesmo. E parece que a coisa toda foi feita pra gente fazer maratona, da pra assistir a primeira temporada em um final de semana ou menos! Se você estava na dúvida, saiba que da pra dar uma chance à série sim!


terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Bandas que Você Talvez não Conheça #22 - Fleur East

Descobri a existência da linda da Fleur East graças as playlists semanais de indicações do Spotify.

Fleur participou do The X Factor UK em 2005 como integrante do grupo Addictiv Ladies e voltou ao programa em 2014 como artista solo ficando em segundo lugar na competição. Em 2015, ela assinou com a Syco Music e lançou o seu primeiro álbum com uma gravadora.


Pesquisando sobre a moça, vi que ela foi a primeira participante do The X Factor a atingir o número 1 do iTunes com a sua apresentação de 'Uptown Funk' e as músicas originais dela tem bem essa pegada meio disco, é tudo bem dançante e animado. Clique aqui pra escutar ao álbum inteiro.

Da uma olhada no clipe da faixa 'Sax' aqui em baixo e na lista de links pra acompanhar o trabalho da Fleur.

Link:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Google+